História de Leni e Hugo

História de Leni e Hugo

Eu e meu esposo somos de Campos dos Goytacazes e descobrimos o Sesc Grussaí durante um passeio na casa do meu cunhado, que mora na cidade. Nos apaixonamos pelo local e começamos a frequentar a unidade. Vamos em todos os feriados e datas comemorativas, mas o mais especial pra gente é o Natal. Aproveitamos também para comemorar o aniversário do Hugo no lugar que mais gostamos.

Todos os anos, a decoração muda. Eu começo a fazer os enfeites em maio e o Hugo precisa fazer umas três viagens de carro entre Campos e Grussaí pra levar tudo. Levo bolo, doces e salgadinhos e fazemos a festa perto do nosso quarto. Os hóspedes e funcionários do Sesc são nossos convidados.

O nosso amor pelo Sesc ficou mais forte em 2015. Nodo dia 17 de dezembro, o  Hugo teve um infarto. Ele estava no Sesc e ficamos impressionados com a agilidade de todos os funcionários para socorrê-lo. Se não fosse a agilidade dos colaboradores do Sesc, o Hugo não teria chegado a tempo no hospital.

Ele ficou internado no CTI e eu voltei para o Sesc. Lá eu me sentia amparada e tinha meus amigos por perto. Depois de ter alta do médico, o Hugo voltou para o Sesc para terminar de se reestabelecer. De lá pra cá, a vontade de comemorar a vida e estar no Sesc aumentou ainda mais.

VOLTAR